Frentes de atuação

Bruno José Rodrigues Alves

Bruno José Rodrigues Alves

Embrapa Agrobiologia

Projeto: A abordagem Nexus na Integração lavoura-pecuária-floresta (ILPF): Uma questão de segurança alimentar, hídrica e energética.
Investimento PRS – Cerrado: R$ 1.348.000,00
Instituição: Embrapa Agrobiologia
Execução da Pesquisa: Unidades Demonstrativas (MG – MT – MS – GO)
Status de execução: Término da Execução Financeira | Pesquisa KPI 6 em processo de formalização de novo contrato

Pesquisa Avalia Potencial de Tecnologias de Baixo Carbono no Cerrado em Alinhamento com KPI 6

Sob a liderança do pesquisador Bruno José Rodrigues Alves, a Embrapa Agrobiologia está conduzindo uma pesquisa para avaliar o impacto das tecnologias de baixo carbono em Unidades Multiplicadoras (UMs) no âmbito do Projeto Rural Sustentável (PRS) Cerrado. O estudo visa entender como essas tecnologias podem contribuir para a redução das emissões de gases de efeito estufa (GEE) e promover a sustentabilidade no campo, em conformidade com o KPI 6, que busca medir a quantidade de emissões de GEE reduzidas ou evitadas como resultado de programas de mitigação.

As UMs, em geral, antes do projeto, enfrentavam sistemas agrícolas e pecuários com baixo desempenho, ou mesmo em degradação. A introdução das tecnologias de baixo carbono, como recuperação de pastagens degradadas e integração lavoura-pecuária-floresta, busca melhorar a eficiência produtiva e reduzir as emissões de GEE.

A pesquisa visa principalmente calcular o balanço entre emissões e remoções de GEE ao longo de 24 meses de implantação das tecnologias, utilizando a ferramenta Ex-ACT da FAO, que será aperfeiçoada a partir de amostragens de solo para estimar mudanças nos estoques de carbono, e também por meio da revisão de estudos feitos na região.

A parceria entre a Embrapa Agrobiologia e o IABS fortalece o estudo, aproveitando suas especialidades e experiências. A metodologia rigorosa envolve coleta de dados das propriedades e verificação das informações fornecidas pelas equipes técnicas de campo.

Essa pesquisa representa um avanço importante para a compreensão e promoção de práticas agrícolas sustentáveis no Cerrado brasileiro, fornecendo insights valiosos para informar políticas e práticas agrícolas sustentáveis no Brasil e além.

 

Produtos e ações de destaque

Para estimar o impacto de sistemas integrados de produção lavoura, pecuária e floresta (ILPF) nas emissões de gases de efeito-estufa, a pesquisa usa uma abordagem metodológica integrada, que considera os efeitos externos provocados pela implantação de sistemas de produção mais intensivos no que se refere a segurança alimentar, hídrica e energética, e abordando impactos econômicos e sociais. Para quantificar o balanço de carbono dos sistemas, adotou-se a ferramenta FAO Ex-Act, baseada na guia metodológica do IPCC (Tier 2). Junto com ferramentas de geoprocessamento e dados obtidos das unidades demonstrativas, a ferramenta irá estabelecer linhas de base, realizar estimativas de emissões de gases de efeito estufa e remoções de carbono no solo e na biomassa. Para o aperfeiçoamento das estimativas, foi feito o mapeamento das áreas de pastagens dos estados que compõem o projeto, exibindo as categorias de degradação severa, intermediária e não degradada, e também foi produzido o mapa de solos adaptado para a metodologia FAO Ex-Act, para ser usado em combinação com o mapa de pastagens. Equipes de campo estão levantando dados de solo e planta para compor a metodologia de forma a ser mais representativa das regiões relativas ao projeto. As avaliações de impacto social, econômico e ambiental têm metodologias desenhadas, e os dados de campo necessários estão sendo coletados das unidades demonstrativas, e mais adiante, nas unidades multiplicadoras. A pesquisa avançou também na perspectiva de monitoramento dos sistemas ILPF, havendo metodologia em estágio avançado de desenvolvimento para quantificar anualmente as áreas sob sistema ILPF a partir de técnicas de inteligência artificial usadas nas análises de imagens. Dessa forma, a pesquisa Nexus contribuirá não somente para as metas do projeto Rural Sustentável Cerrados, como também configurará produtos com potencial para serem utilizados em apoio às políticas públicas nacionais.   

Produtos de Conhecimento

Galeria

Privacy Preference Center